Lua Nova em Virgem – Um Novo Ciclo

Lua Nova em Virgem – Um Novo Ciclo

Olá,

Hoje, dia 30 de Agosto de 2019, pelas 11h36 (horário em Portugal) temos a Lua Nova no grau 06º’46 de Virgem.

Mais uma Lua Nova, mais um Novo Ciclo… 


De que forma esta Lua Nova pode influenciar as nossas vidas?

Como podemos tirar proveito desta nova energia?

Que temas estamos a ser convidados a trabalhar?



ASTROLOGICAMENTE FALANDO

Esta Lua Nova em Virgem convida-nos ao contacto com a Terra, em todas as suas formas.

Nos Céus, esta Lua Nova acontece em conjução a 3 planetas – Mercúrio, Marte e Vénus – todos posicionados em Virgem, distribuídos entre o 2º e 11º grau de Virgem. Esta conjução mostra que podemos executar o que é preciso (marte), agilizando todas as formas e detalhes dessa execução (mercúrio), ativando o respeito pelo outro, atuando com gentileza e em harmonia (vénus).

Temos também um Trigono exato da Lua Nova em Virgem a Úrano que está no grau 6 de Touro, já em movimento de retrogradação.

Com toda esta energia no elemento Terra, podemos dizer também que temos um grande Trígono de Terra, envolvendo todos os signos de Terra. Por termos também a energia de Capricórnio, representada por Saturno e Plutão, nos graus 14 e 20, respetivamente, e também eles ainda em movimento retrógrado nos céus.

E Retrógrado é a oportunidade de Resolver assuntos nas nossas vidas. Estamos em ótima fase para resolver, encontrar soluções, reestruturar, remover o velho para dar lugar ao novo.

Toda esta energia empodera-nos da capacidade de fazer, de manifestar, de concretizar. Conseguirmos levar a cabo as mudanças que queremos implementar. 

E temos ainda Neptuno no grau 17 de Peixes, de certa forma, a magnetizar toda a energia de Terra para a sabedoria das águas mais cristalinas.

Para todos nós este pode ser um momento muito interessante. Em todas as Luas Novas temos a oportunidade de formular as nossas intenções e dessa forma honrarmos connosco e com o universo o que é essencial para nós neste momento presente. O que precisamos concretizar, transformar, realizar, curar, encontrar em nós e nas nossas vidas. E a cada Lua Nova temos a oportunidade de refletir sobre que temas e áreas estão em destaque nas nossas vidas, perceber quais as energias despendidas pela configuração do momento e encontrar dentro de nós quais as intenções mais puras que queremos colocar.

Convido-te, caso ainda não conheças, a ler o meu Ritual de Intenções de Lua Nova, que te pode guiar no processo de como colocares intenções de forma mais potenciadora.

Se sabes ver o teu mapa astral, convido-te a identificares esta Lua Nova no teu mapa – grau 6 de Virgem. Ver em que casa no teu mapa ela está, para assim perceberes também que área de vida está a ser ativada por esta Lua Nova. 

Podemos ir mais longe, para quem tem esse conhecimento, e ver que planetas têm ao redor desses graus. Ver que aspetos eles fazem a outros planetas no vosso mapa, para compreenderem melhor que outras áreas estão a ser “mexidas”.
Podemos procurar a energia de Touro e Capricórnio, ver se temos planetas ao redor do grau 6 – pois estes Trigonos podem ajudar-nos e facilitar-nos o caminho para a mudança, abençoando este inicio de coisas novas.

Ao redor do grau 6 de Caranguejo e Escorpião também poderemos ter energia extra para que este “novo ciclo” flua de forma mais livre e leve, limpando águas, sentimentos e emoções.

Podemos encontrar os pontos de “maior tensão” na energia de Peixes, onde podemos encontrar um desafio entre “como fazer o que tenho de fazer, de forma flexível e despreocupada?”.
E as quadraturas a Sagitário e Gémeos, que podem trazer a tensão interna que nos vai fazer refletir sobre as nossas crenças, talvez colocaremos em causa as nossas vontades e verdades, talvez tenhamos dúvidas sobre os nossos sonhos e anseios, talvez percebamos que para mudar  a nossa vida e começar um novo ciclo, que temos também de mudar algumas das nossas visões mais limitadas, paradigmas, crenças e formas de nos expressarmos.

Na verdade, entre facilidade e conflito, penso que o que quer que esteja a ser ativado para cada um de nós, é na verdade uma maravilhosa oportunidade de expandirmos a nossa consciência. É a forma como escolhemos ver as coisas. Para mim, escolho ver o desafio e o conflito como uma oportunidade para ver o que preciso reconhecer e transformar em mim e na minha vida. E as ajudas no Caminho… essas são sempre muito bem vindas, recebo-as de braços abertos.

Por isso, sabendo ou não de astrologia, vendo ou não se tens no teu mapa pontos de ajuda ou de desafio, observa a tua vida agora.

Em que estado está ela?
O que tens estado a viver ultimamente?
Como te tens sentido?
Que desafios tens enfrentado?
Onde têm estado as tuas preocupações?
Como tem estado a tua saúde e vitalidade?
Como é o teu dia-a-dia?
Como são os teus hábitos e rotinas?
Tens passado tempo na natureza?
Tens tido tempo para ti?
Tens criado tempo e oportunidade para te dedicares aquilo que é realmente importante para ti agora?


Estas são algumas das questões que podes começar por refletir nesta Lua Nova….


RITUAL DE LUA NOVA

Convido-te a que ainda hoje encontres um tempo e espaço para ti, para teres estas reflexões… E com base nelas acederes ao teu coração, à tua voz interior, voltando o olhar para dentro em compaixão e humidade…E reconheceres…

Que Novo Ciclo queres iniciar agora na tua vida? 
Para onde precisas olhar?
O que precisas ver em ti?
De que forma podes cuidar melhor de ti? 
Como podes tornar os teus dias mais plenos, mais fluidos, mais produtivos?
Onde podes levar cura à tua Vida? 
Onde podes levar uma Nova Luz ao mundo que te rodeia?
O que queres fazer, recriar, transformar, reorganizar agora tua vida?
De que forma os teus gestos e ações contribuem também para os outros, para o coletivo, para um mundo melhor?
Onde queres e podes estar ao Serviço da Vida?


Procura esse tempo sagrado hoje e conecta-te a este energia maravilhosa. Temos aqui uma configuração brutal para fazer mudanças significativas nas nossas vidas e iniciar um Novo Ciclo com maior Clareza e Consciência.

Para além das sementes de reflexão que já fui deixando em cima… Trago aqui, de forma um pouco mais concreta, tópicos de alguns temas que podemos trabalhar com esta Lua Nova.


HÁBITOS, ROTINAS E ORGANIZAÇÃO

Virgem fala-nos, entre outras coisas, dos nossos hábitos, rotinas, tarefas, dia-a-dia,onde somos bons a executar, a organizar, a ajustar. A capacidade de método, de trabalho, de disciplina, de foco, de dedicação e de atenção ao detalhe. Em Virgem aprendemos a aperfeiçoar-mo-nos, a fazer as coisas “bem feitas” e a executar com prontidão e exatidão as tarefas que nos são propostas. 

Virgem mostra-nos imenso o lado prático da vida. Portanto, podemos pegar neste tema e refletir sobre isso nas nossas vidas.

Que hábitos de vida precisamos/queremos alterar? 
Que rotinas novas gostaríamos de ter?
Onde precisamos ser mais metódicos e perfecionistas nas nossas vidas?
Que áreas e temas da nossa vida precisam ser organizados? 
Que lugares em nós estão a precisar de ordem no caos?


Mudar de hábitos. Criar novas rotinas. Organizar. Aperfeiçoar. Fazer. Organizar. Ajustar. Encontrar soluções. Disciplina. Foco. Método. Ser prático.

Por esta altura muitos de nós preparam-se para regressar das férias cheios daquela vontade de mudar tudo em casa, criar novas rotinas, trazer ideias novas para as dinâmicas familiares…. Ouvimos habitualmente “agora vai entrar tudo nos eixos, voltamos aos horários e à rotinas…” ou “vamos aproveitar este novo ciclo e começar novos hábitos cá em casa, vai tudo ser diferente”.

E em verdade, é esta a altura “certa” de pensar nestas coisas e de as executar.
Mas então o que corre mal?

Porque muitas vezes temos sim esta vontade e empenho, mas ao fim de umas semanas tudo se desvanece completamente. Mudar hábitos e rotinas não é assim tão fácil, é simples mas requer dedicação e empenho. Nós somos animais de hábitos, tendemos a repetir padrões e nem pensamos sobre o assunto. Durante anos fazemos as mesmas coisas e mudar isso nem sempre se revela uma tarefa “fácil”. Só sobre este assunto de mudar de hábitos encontramos centenas de teorias, livros e artigos… Não quero entrar aqui nisto ao pormenor agora.

Mas, simbolicamente, iniciar “novos ciclos” numa Lua Nova de Virgem é Mágico. Claro que a Lua não faz as coisas por nós, isto é apenas um símbolo para nos recordar do que realmente somos. A vida está sempre a devolver-nos aquilo que somos no momento presente, aquilo em que acreditamos, aquilo que manifestamos, aquilo que sentimos, aquilo que pensamos. Para existirem mudanças de hábitos e de comportamento precisamos trabalhar em nós, precisamos escutar-nos, precisamos compreender as nossas reais motivações e necessidades pelas quais vale a pena começar coisas novas.

As nossas intenções devem vir desse lugar sagrado que é o nosso coração, e diariamente devemos encontrar espaço de reflexão, e ligarmo-nos a esse lugar, acedendo às nossas reais necessidades e motivações para uma vida mais autêntica. Isso pode ajudar fortemente a não desistirmos destes “novos começos”. Há muito mais coisas que nos podem ajudar, há imensas ferramentas e técnicas ao nosso dispor, mas o mais importante não são as ferramentas, mas sim o que fazemos com elas.

O mais importante no trabalho com a Lua, não é o Ritual em Si, mas sim a forma como vejo o ritual, que significado tem para mim e o que faço com ele, até onde mergulho com estas propostas, até onde me permito ir?

Toda esta energia em Terra, está sim, simbolicamente, a ajudar-nos, nesta fase, a fazer as mudanças e as reformas que temos de fazer nas nossas vidas. Principalmente aquelas para as quais temos tido dificuldade em olhar. O que grita dentro de ti por mudança? O que fazes na tua vida e que sentes que não é autêntico e que não te está a fazer bem?

E estas pequenas-grandes mudanças podem ser nas mais diversas áreas, pode ser no nosso dia a dia, hábitos e rotinas habituais, vida familiar, hábitos alimentares, hábitos de descanso, pode ser também questões relacionadas com o nosso ambiente de trabalho, ou mesmo com a nossa profissão em geral, podem ser hábitos relacionais que estão a ser nocivos para nós, pode ter a ver com a forma como escolhemos ocupar o tempo dedicado a nós…. Seja o que for, reflete sobre os hábitos que tenhas que neste momento não servem uma vida plena e saudável. Os hábitos que tenhas que não sirvam os sonhos do teu coração. O que podes fazer para os alterar?


CURA. PUREZA. SERVIÇO

Virgem também fala sempre de Cura, Pureza e Serviço

É hora de cuidar do quê?
De curar o quê?
De dedicar-me ao quê?

Através da dedicação, do cuidado, da humildade e do trabalho de aperfeiçoamento vamos descobrindo a verdadeira Pureza… A Pureza da Alma e do Ser. A Pureza de cada coração, a pureza dos nossos atos e ações.

Pode ser interessante nesta fase iniciarmos um processo de autocura. Aprendermos a escutar e nosso corpo e conhecer a sua linguagem. Honrar o que em mim precisa de cuidado e atenção. Dar tempo e espaço a mim. Ter hábitos e rotinas mais saudáveis que respeitem e honrem o meu corpo físico e energético. 

Tens-te Respeitado e Nutrido? Tens-te Cuidado?

Cuidar de mim. Amar-me. Respeitar-me. Servir-me. Ligar-me à natureza. Conectar-me. Tocar as águas e a terra. Ter tempo de silêncio. Ter espaço vazio.

Já sabemos que só cuidando de nós podemos cuidar dos outros verdadeiramente. 

E Virgem é também estar ao Serviço. Estar ao Serviço em humildade e em compaixão, por nós e pelos outros.

Queres estar ao Serviço do quê? E pelo quê?

De que forma quer o teu coração amoroso servir e contribuir?


Neptuno em Peixes tem-nos também recordado dessa verdade, de que somos todos Um, e de que é urgente despertarmos o nosso Autêntico Coração, para que ele seja colocado não só ao serviço da nossa vida, mas também das vidas de todos aqueles que podemos tocar e alcançar. 

Olhamos o mundo e vemos tanto vazio de amor, tanta falta de sensibilidade, tanta desconexão. Podemos começar por nós e colocarmo-nos humildemente ao serviço da vida. Nas nossas interações diárias, nas nossas relações, na forma como nos dirigimos à pessoas. Podemos dedicar-nos a alguma causa, podemos fazer voluntariado, dar de nós a quem pede ajuda. Há tanto que podemos fazer.

Ontem escrevi um artigo sobre o que podemos fazer pelas questões ambientais com que nos deparamos atualmente. Há sempre tanto que podemos fazer. Há tanto que está nas nossas mãos.


Existem muitas coisas mais que podia partilhar sobre a energia de Virgem e sobre esta Lua Nova.

Procurei passar o Essencial.

Neste dia de Lua Nova, escolhi também para refletir sobre a estrutura do meu dia a dia e a urgência que sinto, em algumas áreas, de implementar mudanças significativas na minha vida. Recolho-me procurando escutar o meu corpo e aprender a oferecer-lhe o que verdadeiramente o nutre. Recolho-me para ver a vida acontecer cá dentro, compreendendo como toda a nossa vida está conectada a realmente a TUDO.

Hoje escrevo-te aqui do campo…. Estou na casa de uns amigos a passar uns dias de descanso. O Sol brilha intensamente lá fora, entra uma brisa suave aqui pela porta do jardim que me recorda gentilmente que a vida está a acontecer a cada instante, que cada momento é único e especial, e que cada momento da Vida é realmente o mais importante.

Escolher o que fazer com cada momento é uma responsabilidade que, cada vez mais, podemos assumir de forma consciente e autêntica. 

Escolho também observar a simplicidade da vida. 

Mais logo, pelas 19h30, farei, a partir deste lugar maravilhoso, uma sessão online, onde vamos trabalhar em grupo com esta energia de Lua Nova. Se te quiseres juntar a nós envia-me email para: claudiamachado@claudiamachado.com

Tenho também uma formação onde mostro um método de trabalharmos com os ciclos da Lua. Podes ver mais AQUI.

Desejo-te Uma Lua Nova Abençoada,

Que tenhamos a coragem de fazer acontecer o Nosso Novo Ciclo.
Que tenhamos a humildade de nos acolhermos e de aceitarmos tudo aquilo que somos.
Que tenhamos a compaixão de acolher os outros nos seus caminhos. 
Que tenhamos a vontade suprema de implementar nas nossas vidas as mudanças que precisamos manifestar.
Que encontremos o prazer de estar ao Serviço da Vida. 
Porque, em verdade, trabalharmos sobre nós importa muito….
E importa, porque dessa forma vamos impactar de forma positiva na vida de todos aqueles que nos rodeiam, vamos elevar a vibração do que nos envolve, e com isso estamos a Servir a Vida em todas as suas formas.

Um abraço fraterno,

Em Amor,

Cláudia 



Convido-te a visitares:

>> O meu site: www.claudiamachado.com

>> O meu canal de YouTube, que podes subscrever: https://www.youtube.com/channel/UCOfA156NpTJwBJNPtB5fOfQ

>> Aqui encontras testemunhos sobre o meu trabalho: https://claudiamachado.com/testimonial/

>> A minha página no Facebook: https://www.facebook.com/claudiamachadoastrologia/

>> O Facebook “Desperta O Teu Yogui”: https://www.facebook.com/despertaoteuyogui/

>> E se gostas do meu trabalho, e me queres acompanhar mais de perto, podes pedir adesão ao meu grupo no Facebook “Desperta Para O Teu Coração”:https://www.facebook.com/groups/despertaparaoteucoracao/

Lua Nova em Capricórnio – Responsabilidade e Compromisso

Lua Nova em Capricórnio – Responsabilidade e Compromisso

moon-2261260_1280

Olá,

Espero que te encontres bem!

Esta madrugada, dia 17 de janeiro, cerca das 02:18 (horário para Portugal Continental), tivemos a Lua Nova de Capricórnio.

Esta é a primeira Lua Nova deste novo ano de 2018, é por isso também um acontecimento especial, a oportunidade de semearmos com esta energia, os nossos desejos e objetivos para 2018.

Já tenho partilhado contigo, ao longo de mais de um ano, o meu trabalho com as energias dos ciclos lunares, e pela altura da Lua Nova, é tempo de recolhimento, de silêncio, de introspeção, um momento de acedermos ao feminino em nós, ao útero primordial da vida e podermos dessa forma colocar as nossas mais autênticas sementes, daquilo que desejamos, plantá-las no solo fértil em nós, cobri-las com terra, nutri-las, confiar no processo e sermos pacientes com o germinar, que acontecerá no seu tempo e lugar certos.

Este é um processo simples e fácil de entender, mas sem sempre tão fácil de executar. É muito fácil confundirmos os desejos do nosso ego e da nossa personalidade, com o que são realmente os apelos da nossa Alma, os desejos que refletem a verdade daquilo que precisamos agora, a cada momento das nossas vidas.

E esta tem sido para mim a grande viagem neste trabalho, o ser capaz de me escutar de forma cada vez mais clara, para precisamente compreender melhor aquilo que preciso e quero a cada instante, desde o mais material e básico, até ao mais filosófico e subtil. Tenho feito nesta jornada, essa descoberta e aprendizagem, daquilo que realmente serve o meu caminho no momento presente, e que sementes escolho conscientemente plantar.

Não há formas perfeitas de fazer as coisas, o principal é começar, começarmos todos os meses a conectar-nos com os ciclos lunares e aproveitar essa energia para nos impulsionarmos num cumprimento da nossa Alma. Aproveitarmos essa energia para nos irmos conhecendo cada vez melhor, através da introspeção, do recolhimento, do silêncio, da escuta ativa, e também dos nossos comportamentos, atitudes, ações e decisões que tomamos a cada momento.

Observo com muito mais clareza e rapidez as imensas transformações na minha vida desde que comecei a trabalhar com os ciclos lunares, de forma mais consciente em 2014.

Hoje quis fazer esta introdução e convidar-te também a que possas ler (ou reler) o meu Ritual de Intenções Com a Lua Nova, que te vai ajudar a compreender parte do processo e serve de complemento a este artigo, onde me proponho também a falar um pouco dos temas trazidos por esta Lua Nova em Capricórnio.

Trabalhar com os ciclos lunares implica irmos sabendo e conhecendo que temas cada lunação pode despertar, porque as energias dos diferentes signos ativam processos diferentes quando são tocados, e uma Lua Nova em Capricórnio toca em temas sérios 😉 Mas vamos lá trazer alguma leveza ao que é sério, porque o que é sério não tem de ser necessariamente pesado!

A minha primeira escolha é falar sobre Responsabilidade

Assumirmos a responsabilidade pela nossa vida, pelas nossas escolhas, pelas nossas decisões, pelos nossos comportamentos, pelas nossas atitudes, pelas nossas vontades e também pelos nossos maiores sonhos e desejos, pelos empreendimentos que a nossa Alma deseja ver manifestos nesta vida.

Reflete sobre:

Onde posso assumir maior responsabilidade sobre a minha própria vida?

Que responsabilidades me pertencem, e tenho andado a delegar ou a projetar, inconscientemente, nos outros?

De que formas construtivas, sérias e responsáveis, posso assumir a responsabilidade pelas minhas escolhas, pelas minhas decisões, pelos meus sonhos, em suma, pela Vida que me foi concedida?

Altura de assumirmos Compromissos

Assumir a responsabilidade sobre a nossa própria vida leva-nos a que honremos um compromisso autêntico e leal connosco próprios, sem um sentido e sério compromisso, será mais difícil mantermo-nos focados e determinados quando tomamos decisões.

Boa altura para refletirmos sobre o nosso grau de compromisso. Onde é mais fácil para mim comprometer-me? Onde é mais difícil? O que sinto quando escuto a palavra “compromisso”?

Muitas vezes conotamos o compromisso a algo negativo, mas sem compromisso é mais difícil materializarmos as coisas. E comprometermo-nos verdadeiramente com algo, com alguém, com uma situação, com uma decisão de vida, com uma verdade, não é sinónimo de prisão ou de corte de liberdade, porque se nos comprometermos com a verdade, essa é verdadeira liberdade.

Sempre que somos autênticos, honestos e verdadeiros connosco e com os outros, e assumimos um compromisso connosco mesmo de o sermos, então, isso é um degrau para a liberdade, para a plenitude e para a realização.

Com o que preciso comprometer-me agora na minha vida?

Que compromissos tenho assumido que não aderem à minha verdade?

Que renovação preciso dar nos meus compromissos?

Com que grau de autenticidade me quero comprometer comigo mesm@ e com a minha vida?

 

Objetivos e Metas

Em Capricórnio é uma excelente altura para definirmos com maior clareza os nossos objetivos. Objetivos reais e concretos, estabelecer metas e os passos que queremos dar, dentro da realidade que temos no momento atual.

É sermos realistas perante as nossas circunstâncias, e podemos aproveitar esta energia para colocarmos intenções de sermos capazes de estabelecer objetivos claros e concretos daquilo que queremos concretizar. Podemos mesmo fazer os pedidos desses objetivos, se já forem claros para nós.

Que objetivos preciso redefinir?

Que objetivos tenho para este ano e/ou para as próximas 4 semanas?

Em que me quero focar e trabalhar agora?

O quem mim precisa de foco e atenção plenas?

 

Tempo e Paciência

Capricórnio ensina-nos onde temos de aprender a respeitar o tempo e a cultivarmos a paciência de forma transversal na vida. Num meio ocidental como o nosso, esta é uma das virtudes mais desafiantes a trabalhar, no geral claro, há exceções. Em Capricórnio as coisas tornam-se reais, as ilusões caem, as formas materializam-se, e é onde é possível vermos o que é, pelo que é. Então nesse reconhecimento há que desenvolver a paciência, a sabedoria, fazer amizade com o tempo, saber esperar, saber avançar, com firmeza, com foco e com determinação.

Nesta lua nova posso pedir para ganhar mais poder sobre a gestão do meu tempo. Para ser capaz de implementar novas e mais saudáveis rotinas, que me conduzam aos resultados que procuro alcançar. Posso pedir para ser mais paciente e para saber fluir com o devir da vida. Ser capaz de reconhecer o que é, e de o aceitar. De ver em mim o que é, e o que não é, e deixar ir tudo aquilo que não seja.

Onde, na minha vida, posso aprender melhor a esperar?

Como é a minha relação com o tempo?

Como giro o meu tempo? E de que novas formas quero gerir o meu tempo e energia?

Onde quero cultivar mais paciência e resiliência na minha vida?

 

Concretização e Realidade

Como referi acima, em Capricórnio vemos o que é real, é onde delimitamos as nossas fronteiras, onde construímos as nossas zonas de conforto. E esta noção de terra, de espaço e de segurança, é fundamental para construir bases sólidas para os vários empreendimentos nas nossas vidas, principalmente o empreendimento principal – Nós Mesmos – enquanto Seres divinos numa experiência humana ao serviço do Bem Maior.

Esta é uma altura para encararmos a minha realidade, seja em que área de vida for, e aceitar e delinear como me posso concretizar a cada dia. O que preciso fazer para manifestar novas realidades a cada instante, que me tragam sucesso, que me tragam sentido de dever cumprido, que me preencham com um profundo sentido de realização?

O que quero construir e realizar?

Onde é seguro para mim estar?

Onde é que faço um trabalho bem feito e posso aprofundar?

De que forma posso colocar as minhas competências e talentos ao serviço das minhas atividades e também do meu plano de Alma?

Que pilares preciso reforçar para continuar a escalar a montanha?

Onde preciso agora encarar a realidade na minha vida?

 

Controlo excessivo e Inflexibilidade

Existem também alguns desafios associados a Capricórnio, relacionados com o utilizar de forma disfuncional algumas das suas energias. E se for o nosso caso, então também podemos nesta Lua Nova, reconhecê-lo e pedir para encontrarmos o equilíbrio no uso destas energias.

Alguns desses desafios são: a necessidade excessiva de autocontrolo, e de controlo sobre os outros, este excesso vem do medo de confiar, do medo de delegar, do medo de perder a noção do que é seguro e do espaço que ocupo; falta de alegria e pessimismo, por terem muita noção da realidade, pessoas com estes padrões, sentem muitas vezes falta de alegria porque não cultivam tanto a fé, a confiança, o otimismo; muitas vezes surge também a inflexibilidade, o medo de fazer novas abordagens perante a vida, as autojustificações constantes, a severidade, medo em sair da zona de conforto… Tudo isto, em suma, por muito receio de perdermos as falsas noções de segurança que estabelecemos para nós. Capricórnio delimita essas zonas mas muitas delas são “falsas” pois foram construídas sob falsas premissas que criamos sobre a vida.

Onde preciso abdicar do controlo e autocontrolo?

O que posso delegar mais? Em quem posso permitir-me confiar?

Onde preciso confiar mais, ter mais fé?

Que áreas da minha vida precisam de maior alegria e otimismo?

Que zonas de desconforto preciso enfrentar?

Que falsas noções de segurança tenho andado a construir?

 

O trabalho com a Lua Nova é fantástico e ganha uma outra dimensão quando o fazemos olhando também o nosso mapa de nascimento, pois torna-se bastante enriquecedor percebermos a cada mês que áreas e dimensões da nossa vida estão a ser ativadas e testadas.

Com vista a esse processo eu tenho os meus encontros regulares pela lua nova, momentos em que nos reunimo para uma sessão de partilha sobre as energias lunares, colocamos as nossas intenções, meditamos com a Lua, e expandimos a nossa energia e abertura ao grupo e aos nossos mais íntimos desejos.

Estes encontros são presencialmente em Lisboa, no Espaço Amar, mas podem também ser frequentados online, em direto. Se ainda te quiseres juntar hoje a nós basta enviares-me email para claudiamachado@claudiamachado.com

Recebo as ultimas inscrições até às 16h de hoje (17 janeiro). Depois o próximo encontro de Lua Nova, será na Lua Nova de Aquário a 15 de fevereiro. Podes ver Aqui mais sobre estes eventos.

Ficas então neste artigo com algumas dicas sobre o que podes trabalhar internamente com esta energia da Lua Nova em Capricórnio. Espero que esta informação te seja útil, e que desta forma possas potenciar ainda mais as tuas intenções para este período.

A abordagem neste artigo está bastante resumida e sintetizada, o objetivo foi mesmo resumir para ser mais fácil de entender e de colocar em prática. Para estudos mais aprofundados podes consultar um profissional, ou então bibliografia adequada ao tema.

Desejo-te uma Mágica Lua Nova, e que as tuas Intenções se fortaleçam com a energia da Verdade, da Responsabilidade e do Compromisso, em prol do teu Bem Maior e de tudo o que te rodeia.

Assim Seja,

Com Amor,

Cláudia

 

 

Ordem e Serviço – Lua Nova em Virgem

Ordem e Serviço – Lua Nova em Virgem

Olá,

Espero que te encontres bem!

Há mesmo muitos meses que não recebes notícias minhas. Tenho estado a fazer uma grande pausa de reestruturação do meu trabalho e vida pessoal. Quando a vida nos pede mudanças, pode doer e pode-nos custar sair da zona de conforto, rumando em direção ao desconhecido, mas se ela nos pede isso, resistir só vai piorar as coisas e aumentar a dor ou o desconforto que possamos estar a sentir. É preciso atravessar esses caminhos sombrios, pois só atravessando se chegará a algum lado. E assim tenho andado eu, e digo-te, que vale a pena cada passo na escuridão e vale a pena cada momento de enfrentar os dragões internos que nos vão atormentando. Se sentes que algo precisa mudar, vai e avança, atravessa esse processo, pede ajuda se precisares, mas não deixes de encarar as transformações tão necessárias ao teu desenvolvimento. Confia em Ti e na Vida.

Decidi hoje retomar a escrita no meu blogue numa altura que me é muito querida, sob a energia do fantástico signo de Virgem, final de verão, a chegar o Outono (a minha estação preferida), pode parecer uma estação melancólica, mas gosto mesmo muito do Outono e de tudo o que ele me costuma proporcionar, talvez por ter nascido sob a sua influencia tenha este gosto particular. Esta altura do ano costuma ser uma fase de reestruturação e organização para mim, onde me sinto com muito mais energia para colocar ordem no caos, e para começar coisas novas. A mim provoca-me isto, a ti talvez sim ou talvez não, não importa realmente, o importante é que reconheças cada vez mais os teus ciclos internos e te deixes fluir na vida com eles. É muito mais fácil se nos adaptarmos aos nossos ritmos, do que continuarmos a teimar resistir ao que o nosso Corpo, Ser e Vida, nos pede a cada momento.

Escrevo-te então, para falar um pouco da Lua Nova em Virgem, que será amanhã, dia 20 de setembro, por volta das 06h31 (horário para Portugal continental). Se já segues o meu blogue há algum tempo, sabes que costumo falar da potente energia da Lua Nova.

Portanto, a Lua Nova é aquela altura do mês em que olhamos a Lua e constatamos a ausência de reflexo da luz solar, se partirmos do principio que o que está fora é como o que está dentro, então internamente, é o momento de contactarmos com a sombra em nós, com o que dói, com o que magoa, com o que não quero ver… Tomar consciência disso para puder acolher e aceitar, pois só assim poderei transformar essa energia em Luz. Esse contacto com a escuridão, aponta-nos também para o vazio, para o silêncio, convida-nos a olhar para dentro e vermos realmente o que cá está, dentro de cada um de nós. Um convite a refletirmos profundamente sobre a nossa vida, percebermos o que precisamos mudar, encarar, aceitar, transformar, fazer e Ser, para estarmos cada vez mais perto da nossa Real Essência, mais perto do reconhecimento da centelha divina que Somos, mais perto de manifestarmos cada vez mais os planos da nossa Alma para esta existência.

Desta forma é muito importante que pela altura da Lua Nova possamos conceder esse tempo sagrado a Nós mesm@s, de nos voltarmos para dentro e perceber o que queremos, o que desejamos… Se há uma altura perfeita para fazer pedidos autênticos ao Universo, essa altura é Agora, com a ajuda da Lua Nova. Para que possas realizar os teus dos pedidos da melhor forma, lê o meu Ritual de Intenções com a Lua Nova, aqui vais encontrar todo o processo que realizo todos os meses a cada Lua Nova, e que te pode ajudar também a ti na cocriação da vida que desejas.

Mesmo para os leitores antigos que já conhecem o meu Ritual, convido-vos a lerem novamente, foi reeditado e melhorado, cheguei a novas conclusões e acrescentei-as ao guia.

Para além de leres o guia para o Ritual com a Lua Nova, é importante que conheças um pouco desta energia da Lua Nova em Virgem, e de quais são as propostas que ela nos traz. Em baixo destaco alguns dos temas de virgem e propostas de integração para puderes refletir e trabalhar nesta fase, provavelmente se tens muita energia de virgem, já sentes afinidade com estes temas, sendo que eles “entraram em vigor”, quando a 22 de agosto o Sol entrou no signo de Virgem. Desde essa altura que estas temáticas estão a ser mais profundamente trabalhadas em nós, mas podes agora, na Lua Nova, refletir sobre elas e fazer pedidos alinhados com o que precisas e queres para a tua Vida.

  • Saúde

Excelente fase para cuidares mais e melhor da tua saúde, energia e vitalidade.

Se precisas de ir ao médico fazer exames não adies mais isso e fá-lo.

Se sabes que tens de começar a fazer exercício físico, começa a fazê-lo já hoje. O que gostas de fazer? O que te dá mais prazer? A que reage bem o teu corpo? Dançar? Correr? Andar de bicicleta? O que é? Escuta o teu corpo e vai, inscreve-te, começa, alinha-te com uma atividade física que te ajude a circular a energia pelo teu corpo. O movimento é essencial aos processos de transformação e também à vitalidade do nosso Ser Integral.

Se andas há não sei quanto tempo para ir a um bom nutricionista e começar uma dieta mais equilibrada e adequada a ti, e queres implementar hábitos alimentares mais saudáveis, então este é o momento certo.

Tudo o que seja cuidares de ti, olhares o nível da tua vitalidade, contribuíres mais para a tua saúde… é ideal refletires sobre isso agora, pedires ao Universo o que desejas alcançar e começar a dar os passos rumo aos teus objetivos.

É importante também dares atenção ao teu descanso, e a rotinas mais saudáveis que te ajudem a sentir maior vitalidade e energia.

Fazer terapias energéticas ou outras, e ir a medicina não-convencional, pode também ser uma boa solução para encontrares ajudas e respostas ao que necessitas agora.

Também combinam com esta energia de Virgem, práticas de Yoga, Pilates, Meditação, Tai-Chi, entre outras, práticas integrais que ajudem ao equilíbrio do teu corpo físico, mental, emocional e espiritual.

Cuida de Ti!

  • Trabalho

Bom para colocar ordem e organização no trabalho, para pensar em planear, organizar e até concretizar projetos de trabalho. Pensar nas rotinas de trabalho e ver como melhorá-las. Melhorar o ambiente no trabalho e nos lugares que habitualmente frequentas, naquilo que depende de ti. O ambiente que nos rodeia é de extrema importância para a nossa saúde, vitalidade e bem-estar. Um mau ambiente vai contribuir negativamente para todos estes pontos.

Se pensas mudar de trabalho, ou reestruturar a forma como trabalhas, ou iniciar um trabalho em paralelo com o teu, então planeia isso, organiza-te e faz.

Decide, planeia e começa!

  • Organização

Virgem tem tudo a ver com organização. Portanto se és super desarrumad@ esta é uma ótima altura para começar a organizar tudo, a casa, as tralhas, o escritório, tudo aquilo que seja teu, ou frequentado por ti, e onde seja essencial haver uma ordem que traga harmonia, simplicidade e mais clareza a ti e ao teu ambiente.

Portanto, trata de ir arrumar papeis, caixas com coisas dispersas, coloca ordem no teu ambiente, organiza melhor as tuas rotinas e dia a dia. Planeia o que precisas planear. Pode ser planear a agenda de trabalho de uma semana, de um mês, de um ano, pode ser planear a ementa da semana lá para casa, e podes até implementar um sistema para teres ementas para as 55 semanas do ano, pode ser planear o ano em família, as férias, etc…. Seja o que for, é uma excelente altura para planear e organizar coisas, tudo aquilo que precises organizar. Eu por exemplo, tive todo este mês a planear e a organizar o meu trabalho até julho de 2018.

Se já és organizad@ agradece e honra essa qualidade em ti. Vê o que podes fazer melhor ou que precisas alterar e adaptar nas tuas rotinas, deveres e afazeres.

Se és tão organizad@ que sabes que até é um pouco compulsivo, e isso te causa ansiedade e desconforto, então relaxa um pouco, respira, sê mais brand@ e flexível contig@. Procura ter uma atividade que te ajude a relaxar e a diminuir a ansiedade, como a meditação por exemplo.

  • Discernimento e Discriminação

Quem é do signo de Virgem (e não só, claro), ou quem conhece alguém que seja, bem sabe o quanto estes podem ser, por vezes, críticos e julgadores. Na verdade, essa é uma distorção de uma excelente qualidade, que é a capacidade de análise, de detalhe, de observar o mais pequeno pormenor, de ser capaz de discriminar cada coisa, cada situação, qualidade que um “bom Virgem” tem. É uma qualidade incrível, essa capacidade de estar atento a qualquer detalhe. É ótimo quando é necessário reparar algo, quando é necessário encontrar o erro para se puder corrigir, quando é necessário colocar as coisas a funcionar… uma qualidade fundamental.

Claro que não é tão saudável quando essa capacidade se torna tão gigante em nós, que nos tornamos muito críticos de tudo e de todos, e acabamos por julgar circunstâncias e pessoas de forma inconsciente e incoerente. Em certa medida, todos nós padecemos deste “mal”, quando nos damos conta que estamos a ter tais atitudes, devemos então tentar parar para observar a situação, e tentar compreender porque o estamos a fazer. Se realmente precisamos criticar algo, então que seja de forma construtiva e positiva, contribuindo para o Bem de todos os envolvidos. Aqui, um bom exemplo de pedido à Lua é:“desejo ser capaz de fazer criticas positivas e construtivas que contribuam para o meu Bem Maior e o dos outros”, ou “desejo ter a clareza de pensamento necessárias para dar atenção aos detalhes de forma lúcida e consciente”.

Também há aqueles cuja critica e julgamento se vira duramente para si mesmos, ou seja, quando a autocritica e o autojulgamento tomam proporções não saudáveis, é importante também cuidar disso. Cuidar da parte de mim que me julga e me critica, aceitar esse meu lado e dar-lhe a atenção que precisa. Geralmente quando isso acontece é porque temos acumulado em nós grandes doses de culpa e de dor, então devemos procurar amarmo-nos mais, e ser mais carinhosos e flexíveis connosco.  Exemplo de pedidos: “desejo amar-me e aceitar-me mais como sou”, “desejo ser mais flexível e generos@ comigo mesm@”, “desejo libertar-me da culpa e do medo com coragem e discernimento”.

Portanto trabalhar o discernimento, a clareza de pensamento, o foco, a capacidade de análise e de discriminação são temas desta energia. Podemos pedir para desenvolvermos estas capacidades, onde delas precisamos, ou para encontrarmos o seu lado luminoso  e construtivo, caso já as tenhamos, mas as estejamos a manifestar de forma destrutiva e inconsciente.

  • Ordem

Colocar ordem no caos.

Onde é que encontras o caos neste momento na tua vida? Queres colocar ordem nesse caos?

Onde precisas aperfeiçoar-te e melhorar-te?

O que precisas desenvolver mais em Ti?

Onde precisas colocar ordem interna e externa na tua vida?

Reflete sobre estas questões e alinha-te com o que agora possa ser importante e prioritário para ti, e faz esses pedidos na Lua Nova.

Esta é uma excelente fase para visitarmos também as nossas crenças, transformando as  crenças negativas e bloqueadoras que tenhamos, em crenças positivas e possibilitadoras para nós e para o nosso caminho de vida.

Podes também refletir sobre os teus Valores de vida ideais, e ver se na realidade os vives. E se não os estás a viver, então porquê? E de que forma podes começar a vivê-los?

Outra questão que tem a ver com ordem, é o perfecionismo. Querer fazer sempre melhor e ir mais além é excelente, e devemos, acredito eu, ter esse compromisso connosco mesmo nas varias áreas das nossas vidas, aperfeiçoarmo-nos a cada instante e a cada momento. Mas, também é necessário aceitarmos a nossa imperfeição e aceitar que a vida está em constante mudança e transformação, logo a perfeição existe quando sabemos aceitar a não-perfeição.

As pessoas excessivamente perfecionistas, são aquelas a quem a noção de perfeição lhes limita e retira qualidade de vida. São aquelas pessoas que têm dificuldade em agir “porque posso fazer ainda melhor”, “porque ainda não está perfeito”, “porque preciso fazer aqui mais uns ajustes”, “porque ainda não é o momento”, etc., etc… E estas afirmações e crenças limitam imenso o processo de vida da pessoa, fá-las sentirem-se presas, e geralmente têm muito medo de agir, por “não estar ainda perfeito”. Quem já não sentiu isto?

Penso que nos devemos sentir minimamente seguros quando fazemos algo, e devemos desejar que esteja o melhor que pode estar, mas largando a ideia de perfeição. Pois a verdadeira energia da perfeição não é essa, a “boa perfeição” é querer melhorar continuamente, querer ser o melhor de mim a cada instante, conforme posso, sentindo-me livre para ser quem sou, sentindo-me livre para errar, cair, aprender e fazer novamente.

Malta dos perfecionismos excessivos (eu estou incluída neste lote), trabalhem sobre isto. O que preciso aceitar? Porque é que tenho medo de falhar? Será que dou demasiada importância ao que pensam e dizem sobre mim?

Geralmente o perfecionismo excessivo esconde uma autocritica brutal, enormes sentimentos de culpa e também vergonha, medo da rejeição, medo de não ser aceite. Reflete sobre isto e pede o que precisas trabalhar internamente para superar esta questão. Força 😊

  • Serviço

Ajudar o próximo é um tema muito virginiano também – o estar ao serviço. Habitualmente conhecemos aquelas pessoas que estão sempre a ajudar tudo e todos e a fazer tudo por toda a gente, muito servis e com uma aparência muito humilde, o grande desafio aqui é este – Será que essa pessoa se coloca em primeiro lugar? Se sim perfeito, e está tudo bem, senão então devemos analisar…

Isto é superimportante, só podemos ajudar verdadeiramente os outros quando nos ajudamos a nós próprios, e muitas vezes essas pessoas que conhecemos (incluindo “nós”, para quem se identifica) estão na verdade a bloquear, a reprimir raivas, dores, mágoas, ressentimentos, geralmente sintomas de uma autoestima muito baixa, guardando sentimentos de culpa, de vergonha, de medo, entre outros.

Se sentes que é o teu caso, sê honest@ contigo mesm@, não te culpes por isso, e começa a cuidar de ti, pensa em ti, faz algo por ti, começa por decidir ter uma atitude diária que te faça realmente sentir que te colocas em primeiro lugar e que te consegues amar e respeitar mais um bocadinho todos os dias. Isto é um processo, leva o seu tempo, mas temos de começar e fazer por nós, ninguém mais o pode fazer, começa Agora.

Também temos o “nosso” outro lado, que pode ser o andarmos tão focados no nosso umbigo, que ao fazermos as nossas coisas passamos por cima dos outros, não os respeitamos, não os escutamos, entre outros. E na maioria das vezes estas atitudes nem são propositadas, simplesmente acontecem porque não vejo, porque não estou presente para o Agora e estou tão focad@ no meu pequeno mundo, que nem vejo como as minhas atitudes e ações também têm um impacto na vida dos outros, dos que me rodeiam e daqueles com quem me cruzo.

Portanto aqui a sugestão é, pede para seres capaz de estar ao serviço sempre, em cada momento e circunstância, para seres capaz de fazer qualquer coisa tendo em conta o teu Bem e o dos outros. Podes sentir que isto é impossível, pode parecer, mas não é, talvez não seja num dia que tudo muda, mas começa a prestar atenção às tuas atitudes e comportamentos, e se a cada momento te perguntares: “Isto que vou fazer ou dizer está a ser consciente? Vai ser construtivo para as pessoas que estão a interagir comigo? Vai magoar alguém? Vai contribuir para melhorar a situação? Ou para aumentar a energia do ambiente? Serve a Verdade, o Respeito e o Amor?” Se colocares estas questões a ti mesm@, verás que aos poucos o teu Ser vai estar mais focado em fazer as coisas de forma mais justa, mais consciente, mais equilibrada.

Estar ao serviço significa também que podemos incluir um momento do nosso tempo que esteja dedicado a isso, ajudando de forma direta e focada, alguém ou até varias pessoas. Queres fazer voluntariado? Gostavas de te juntar a uma associação ou grupo de ajuda? Gostavas de dar algum do teu tempo a ajudar alguém, ou por alguma causa? Esse é um contributo essencial ao nosso mundo. Pensa nisso e pede por exemplo para iniciares com sucesso esse voluntariado que tanto queres, ou se ainda não sabes o que queres fazer, podes pedir para que te surja a ideia ou intuição de a quem, ou a quê, poderias oferecer uma parte do teu tempo e do teu amor maior.

 Conecta-te à Ordem Interna em Ti e coloca o teu Coração ao Serviço da Vida

Ficam aqui algumas dicas sobre o que podes trabalhar internamente com esta energia de Lua Nova em Virgem. Espero que esta informação te seja útil, e que desta forma possas potenciar ainda mais as tuas intenções para este período.

Esta abordagem sobre o signo de Virgem está bastante resumida e sintetizada, o objetivo foi mesmo resumir para ser mais fácil de entender e de colocar em prática. Para estudos mais aprofundados podes consultar um profissional ou então bibliografia adequada ao tema.

Caso tenhas interesse, podes ver Aqui sobre os meus Encontros Lunares. Presenciais e online na Lua Nova e apenas online na Lua Cheia. Ainda tenho algumas vagas para o encontro de amanhã, caso queiras participar podes enviar-email para claudiamachado@claudiamachado.com.

Desejo-te uma Mágica Lua Nova, e que as tuas Intenções se fortaleçam com a energia da Ordem, da Presença e da Consciência, em prol do teu Bem Maior e de tudo o que te rodeia.

Assim Seja,

Cláudia Machado