Celebrando As Estações

Porque decidimos Celebrar contigo as Estações do Ano?

Esta ideia, e a enorme vontade de celebrar os ciclos da natureza, as suas passagens, ritos e propostas, nasceu em conjunto, nasceu de uma grande amizade, entre mim e o António, uma amizade de grande conexão. E das nossas partilhas e vontades comuns surgiu, de forma muito espontânea, o sonho, a ideia, de fazermos algo em conjunto que tocasse as dimensões dos nossos corações, das nossas almas, a nós e aos outros.

Fizemos a nossa primeira celebração pelo Equinócio da Primavera, em março de 2018, que foi um momento muito mágico e bonito, de grande Renascimento. A ideia era continuarmos as celebrações em conjunto, mas neste momento, nesta Celebração do Solstício de Verão, estarei apenas eu – Cláudia – a facilitar o mesmo.

O projeto em conjunto continua nos nossos corações, e é possível que mais à frente voltemos a facilitar juntos estas Celebrações. Até porque temos atualmente em curso outros projetos profissionais em conjunto.

Estou de Alma e Coração neste caminho e de mim podes esperar total Entrega e Amor.

As 4 Estações

Cada estação do ano tens as suas próprias características, as 4 estações juntas fazem parte de um grande ciclo que reflete a nossa vida na Terra. De forma perfeita e sincronistica a natureza vive a sua dança dos ciclos, e esses ciclos também habitam o nosso interior e as nossas vidas.

O Nascimento inicia-se com a chegada da Primavera, com a Primavera semeamos e plantamos o que queremos ver nascer nas nossas vidas, é tempo de honrarmos o caminho e de fazermos escolhas em maior autenticidade, numa renovação daquilo que foi o ciclo anterior.

No Verão celebramos, vivemos uma vida mais extrovertida, é tempo de honrar as bênçãos da vida e desfrutar da comunidade e da união, é tempo de fazermos o que mais amamos e nos dá prazer, é tempo de empreendermos e concretizarmos projetos…

Com o Outono chega a época das colheitas, olhamos para nós e podemos colher os frutos das nossas ações, escolhas e vontades. É um tempo em que começamos a abrandar, é tempo de arrumar e de organizar, para nos prepararmos para o poisio que o Inverno nos convida.

E no Inverno recolhemo-nos, é tempo de interiorização e de introspeção, é tempo de descanso, tempo de maior introversão, é o tempo da casa, e do mundo interior. Com o Inverno fazemos processos de morte em nós, para renascermos depois no novo ciclo da Primavera, quando ela chegar…

Sobre estes Encontros de Celebração

A intenção é honrarmos e celebrarmos cada estação, em comunhão com a mãe natureza, trazendo a ideia de que estes ciclos externos se refletem também dentro de nós e nas nossas vidas. Cada celebração tem uma temática profunda, com a intenção de nos ligarmos a esses ciclos dentro de nós.

Podemos olhar a natureza e reconhecer estes ciclos na fauna e na flora em nosso redor, observar a natureza é o grande livro da vida. E podemos depois remeter essa aprendizagem e esse conhecimento para as nossas próprias vidas e para o nosso mundo interior. E é isso mesmo que te propomos com os nossos encontros, que te alinhes com os ciclos da natureza, e que desfrutes deles da melhor forma, vais ver que a tua vida ganhará um novo sabor e sentido.

img_20180320_172020.jpg

 

 

 

 

 

 

 

Celebração da Vida: Solstício de Verão

Foto capa solsticio verão (2)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A chegada do Verão marca a época de Celebração da Vida. É altura de honrarmos e celebrarmos o Sol e tudo o que ele nos proporciona. É o momento de agradecermos a nossa saúde e vitalidade, de desfrutarmos da companhia daqueles que mais amamos, é tempo de estarmos em maior contacto com o mundo exterior e com a natureza, de festejar, de celebrar, de fazer o que mais amamos, o que nos dá prazer e traz alegria. O Verão convida-nos à expansão de tudo o que desejamos, expansão de nós mesmos, dos nossos projetos, dos nossos sonhos, das nossas atividades e planos.

É tempo de Brilhar, de fazer acontecer, de promover… Verão é Alegria em Ação, em Expansão, em Movimento!

O início do Verão é representado pelo momento em que o Sol atinge a sua maior declinação em latitude, a partir da linha do Equador, ou seja, neste momento o Sol chega ao seu ponto mais alto em relação ao Equador. O solstício de verão ocorre no hemisfério norte em junho e no hemisfério sul em dezembro. Em 2018, no hemisfério norte, o momento exato do solstício de verão será a 21 de junho pelas 11h08 (horário para Portugal).

No dia de Solstício de Verão temos o maior dia do ano, isto porque como o hemisfério está mais inclinado na direção do Sol, recebe dele mais raios solares e luminosos. A natureza encontra-se nesta época na sua máxima força, potência e plenitude. O Sol atinge o seu apogeu, e é por isso mesmo tempo de Expansão e de Celebração.

Com a intenção de honrar este momento tão bonito que nos é oferecido pelos ciclos impermanentes da natureza e da vida, convido-te a que possas vir experienciar este momento de Celebração da Vida.

A Celebração deste Solstício de Verão terá lugar no sábado, dia 23 de junho de 2018, a partir das 17:30, num Jardim mágico e acolhedor (privado), na Cruz Quebrada (ao lado de Algés). Aqui seremos recebidos com imensa recetividade e amor.

O que podes esperar deste encontro?

  • Um momento de contemplação e de interiorização ao Pôr do Sol
  • Um Ritual de Celebração da Vida em volta da fogueira
  • Um convite a uma meditação mais profunda que nos levará através dos temas do Solstício de Verão
  • Teremos partilhas e dinâmicas dedicadas às seguintes temáticas: purificação, cura, fertilidade, união, saúde e vitalidade, amor, gratidão, concretização e expansão de projetos, sabedoria, inspiração, conexão
  • Celebração em Grupo – dançar e saltar em torno da fogueira, brindando a Nós e à Vida
  • Jantar em grupo, de partilha e convívio

Inscrições:

Para inscrições, ou mais informações, contacta-me para o email claudiamachado@claudiamachado.com

Valores:

1 pessoa – 30 euros | 2 pessoas – 50 euros

Aos inscritos enviarei depois a morada do local exato do encontro na Cruz Quebrada, e as restantes indicações para formalização da inscrição.

Duração:

Está previsto iniciar às 17h30 e terminar pelas 22h30.

Tenho a certeza que vamos viver um único e especial momento de celebração, de profundidade, de conexão, de amor, de expansão e de muita alegria. Em círculo somos mais fortes e vamos mais longe, a magia fortalece-se e expande-se através das diversas ligações que juntos podemos fazer.

Aqui tens um testemunho de um participante no Equinócio da Primavera, que se realizou a 20 de março de 2018:

“A noite estava fria e o céu rebrilhava de tanta estrela que se via. Também estava vento; uma suave brisa – por vezes, mais forte – oscilava os pinheiros e arbustos que nos rodeavam. Mas à volta da fogueira, durante todo o ritual, tudo isso passava ao lado, porque o que interessava era a intenção do renascimento, era o abraçar do novo ano, era o novo começar. E apesar do nosso próprio envolvimento ser essencial, para que tudo aquilo fosse possível, foi fundamental o trabalho dos dois facilitadores/orientadores que – também eles – exploravam território pouco conhecido; mas nem por isso houve hesitações ou duvidas, pois sabiam o que faziam. E foi assim que no dia 20 de Marco, pelas mãos da Cláudia e do António, fui conduzido ao meu novo ano e novo mundo.”,

Paulo F., 44 anos, Escritor

Um Abraço em Alegria

Cláudia