Eu Honro A Deusa Em Mim

statue-1405539_1280

Olá Deus@,

Hoje escrevo para Mim e para Todas as Mulheres deste Mundo, para aquelas que conheço, para aquelas que já conheci, para aquelas que têm um papel ativo e importante na minha vida, para aquelas que já tiveram esse papel, para aquelas que mais amo, para aquelas que me inspiram diariamente, para aquelas que também me desafiam, para aquelas com quem aprendo, para aquelas com quem me cruzo, para aquelas que não conheço e que fisicamente nunca virei a conhecer, hoje escrevo para todas as Mulheres deste Mundo.

E também escrevo para os Homens, os Homens que reconhecem a importância das Mulheres nas suas vidas, os Homens que também vieram do ventre de uma Mulher, para os Homens que também honram e reconhecem o feminino em si. 
Na verdade este é mais um texto, uma autorreflexão, que partilho e que é para todos Nós!

(Nota: Falarei neste texto diretamente para o feminino, mas pode e deve ser lido também por homens)

Querida Mulher que agora e hoje me lês,

Quem és tu?
Que sentes hoje e agora?
O que vês quando te olhas ao espelho?
Quem aspiras Ser?
O que te tem impedido de Seres plenamente?
Que dores, tristezas e mágoas ainda carregas?
Do que te queres libertar?
Onde queres estar?
Como te queres sentir?
Reservas diariamente tempo apenas dedicado a Ti?
Que Sonhos guardas escondidos?
Hoje honras a magnifica Mulher que És?
Hoje honras em Ti a Deusa que És?

Questões que nos remetem para dentro, para nós… É bom olharmos para dentro para percebermos como estamos e como nos sentimos, para que possamos cuidar do que em nós não está bem e para vivermos uma vida cada dia mais plena e alinhada com a nossa real essência.

Se te honras e reconheces tal como És hoje, então muitos parabéns, isso é uma grande bênção, partilha-a por favor com as outras mulheres, inspira-as, ajuda-as a reconhecerem-se também. É tão magnifico quando nos amamos e reconhecemos plenamente, vai, partilha-te, abraça, sorri, inspira… Quando partilhamos as nossas maiores bênçãos estamos a cumprir parte do nosso potencial, estamos a multiplicar o bem e o amor pelo mundo… É também normal sentires-te assim empoderada uns dias e outros nem por isso… Tudo está bem.

Podes também reconhecer, só às vezes, muitas vezes, ou apenas hoje, que ainda não te amas profundamente, que ainda não te aceitas plenamente, que não honras o que mereceres, seja muito ou pouco, os meus Parabéns também a Ti, Linda Mulher. Parabéns por o reconheces, nem que seja só hoje, aqui e agora, apenas entre nós, é muito bom quando também  reconhecemos que não nos amamos o suficiente, que não nos respeitamos e que nãos nos honramos, é já um grande passo.

Reconhecer é o primeiro grande passo para que todo um caminho de Amor, de Luz, de Cura, de Transformação, de Consciência e de Honra se desenhe nas nossas Vidas.

Sentes que és muito rígida e exigente contigo?
Sentes que te deixas envolver emocionalmente e de forma tóxica com as situações desafiantes da tua vida?
Sentes-te muitas vezes sozinha e abandonada?
Sentes que é difícil sair da “roda do rato” da negatividade?
Sentes que a procrastinação e a preguiça te levam a melhor?
Gostavas de fazer melhor mas sentes-te muitas vezes incapaz para?

Se sim, não te sintas sozinha, somos muitas, muitas a viver as mesmas dúvidas, os mesmos dramas, histórias semelhantes que se cruzam na teia que a todas nos une, cada uma claro com as suas vivências particulares, mas muitas de nós ainda vivemos entre estes paradoxos, oscilamos entre a alegria e a tristeza com imensa facilidade, mudamos de humor repentinamente como referem os homens, num minutos estamos ótimas connosco e com o mundo, e noutro segundo sentimos a tristeza a entranhar-se por nós acima.. Tudo isto faz parte de sermos Mulheres, isto e muito mais claro…

Vou contar-te um segredo, também eu nem sempre honro a mulher que sou, a deusa que sou, o ser magnifico e único que sou. Eu sei, eu ajudo e acompanho pessoas em processos de cura e transformação, a maioria delas mulheres. Mas também eu sou como tu, sou especial na minha individuação, tal como tu és especial, mas em muitos pontos ressoamos e somos seres semelhantes.

Também eu dúvido, também eu tenho medo, também eu procrastino, também eu me deixo muitas vezes invadir pela imensa tristeza, também eu me deixo levar pelos desafios da vida, também eu muitas vezes perco a noção do Agora e vivo num limbo entre a dor do passado e a expetativa do futuro.

Eu não sou diferente de ti, também eu me debato com os meus fantasmas interiores. E procuro conhecer-me cada vez mais, curar-me e transcender-me para que o meu próprio processo sirva de inspiração aos outros tantos caminhos que acompanho. Também aprendo tanto e sou inspirada por outras magníficas mulheres, aliás todas, todas nos podemos nutrir e inspirar umas às outras, cada uma com as suas características particulares e únicas.

Hoje abro-me para ti, vulnerabilizo-me perante ti e perante a vida, através deste canal de comunicação que tanto amo, a escrita, para que o nosso vínculo seja também cada vez maior e para que eu possa também levar-te Inspiração, ou pelo menos mostrar-te onde a podes encontrar.

E essa Inspiração está em Ti minha Querida, está em TI.

Tu és a Inspiração Criativa de Deus na Terra.

Tu és Tu, aquela mulher linda, especial, única, cheia de dons e talentos. Tens dons para reconhecer em ti e levar aos outros, tantos dons, tantos talentos, tantas qualidades. És uma bênção para Ti e para a Vida daqueles em que tocas.

És a criança divina, és a menina doce e rebelde, és a mulher ativa e criativa, és a mulher bondosa e gentil, és a mulher amante e dedicada, és a mulher vulnerável e frágil, és a mulher amiga e confidente, és a mulher alegre e sábia, és mulher guerreira e empreendedora, és a mulher filha, és a mulher neta, és a mulher mãe, és a mulher avó…

Podia usar centenas de adjetivos para descrever a tua magnificência, mas também não são os adjetivos que nos definem, tu e eu somos isto e muito mais além que isto…

Mais que Mulher, Tu és Tu, e Tu és Única, não existe ninguém igual a ti neste mundo com 7 biliões de pessoas, ninguém. E tu tens algo que mais ninguém tem, e tens o poder criativo e inspirador de te renovares a cada instante e de hoje escolheres diferente, de agora escolheres quem queres Ser. Escolheres o quê e quem queres honrar neste preciso instante.

Então, hoje, lanço-te estas sementes:

Só por Hoje, Honra-te
Só Por Hoje, Reconhece-te
Só Por Hoje, Aceita-te
Só Por Hoje, Rende-te
Só Por Hoje, Liberta-te
Só Por Hoje Cura-te
Só Por Hoje Ama-te
Só por Hoje Nutre-te
Só Por Hoje Respeita-te
Só Por Hoje Honra com Reverência a Deusa Magnifica Que És.

Escuta, acredita em Mim, acredita, vamos fazer uma coisa juntas ok? Vai lá olhar-te agora num espelho. Consegues agora ir olhar-te num espelho? Vai lá, faz isso por ti, por nós. Deves ter um contigo na mala, ou então na casa de banho, ou até na câmara do telemóvel, não escutes agora os sabotadores internos e vai lá até ao espelho 🙂

O que vês no espelho? Olha profundamente nos teus olhos? O que vês querida?
Deixa cair essas lágrimas, deixa cair, deixa, liberta… deixa fluir…

Eu sei que erraste, eu também errei.
Eu sei que achas que nem sempre fazes as melhores escolhas, comigo também acontece.
Eu sei que nem sempre foste autêntica e verdadeira, eu também já fugi muitas vezes à verdade.
Eu sei que te sentes mal contigo mesma, também eu me sinto mal comigo muitas vezes.
Eu sei que exiges muito de ti, também eu sou bastante ditadora comigo.
Eu sei que muitas vezes te sentes só, abandonada, rejeitada, também eu sou assolada muitas vezes por essas emoções e perceções.

Mas sabes? Olha lá fundo nos teus olhos, consegues ver essa pureza luminosa? Nesses teus belos olhos brilhantes podes ver a tua Alma, vê lá bem. Encontra-te nesse Olhar, Encontra-te…

És Válida, És Válida, És Válida. Mereces a Vida, Mereces o Melhor da Vida, independentemente do teu passado. Também é válido não nos sentirmos sempre bem, não nos sentirmos sempre as super mulheres, somos aquilo que somos a cada instante, acolhe isso em Ti.

As tuas fraquezas apenas escondem os teus medos, as tuas dores e mágoas antigas… Mas isso não define quem és, tu és válida e vieste a esta vida com pelo menos um grande propósito – Resgatares o teu Ser e Seres plenamente quem És – e isto não é algo que se atinge chegando a um ponto.

Ser quem Somos é uma jornada de toda a vida, é o Caminho, é um novo começo todos os dias, é uma atitude constante e focada no Agora, uma escolha eterna em viver plenamente o único momento que existe, que é o Agora.

E, agora Querida, Agora o que vês em Ti?
Agora consegues reconhecer uma centelha, por mais pequena que seja, do Amor Divino que És? Da Mulher e Ser magnífica que És?

Acolhe essa Mulher em Ti, esse Ser de Luz, que na verdade não é homem nem mulher, mas que hoje, neste plano físico, assume uma determinada forma e aparência. Também não és isso, mas é por essa porta, por esse espelho que és para ti, que podes chegar a quem realmente És. Por isso Honra esse agora, Honra-te.

Agradece a Ti, agradece as inúmeras bênçãos da tua vida, podes colocar as mãos juntos do teu coração e sentir esse palpitar de vida e de amor em Ti. Energia de Amor, Paz e Luz circunda agora todo o teu Ser, acolhe isso.

Honra também todas as Mulheres da tua vida, todas elas, entende com o coração o seu papel na tua vida e no teu caminho. Consegues agora honrar todas as outras mulheres do mundo? E os seus papéis? As suas histórias? Sente essa ligação íntima a esta grande família na Terra, buscamos tod@s o mesmo – Sentido para a Vida, Amor, Paz…

Sempre que te sentires mais em baixo lembra-te de te ligares à tua essência amorosa, podes ir em frente ao espelho e olhar no profundo dos teus olhos, podes escrever uma lista de gratidão pelas coisas, pessoas e circunstâncias pelas quais estás grata na tua vida, podes ligar a uma amiga ou amigo e ser escutada por eles, podes também dar-te mais, podes dar um sorriso a alguém ou um cumprimento sincero e verás como essa atitude generosa te vai fazer sentir melhor… É importante que nos momentos de escuridão conheças formas de encontrar a Luz que existe sempre.

Podes sentir-te sozinha ou não, a verdade é que em rigor estamos sempre sozinhos connosco mesmos, mas é nesse saber estar connosco que encontramos verdadeiramente a Unidade, o contacto com o Universo, o contacto com o Divino. Quando sabemos estar plenamente Sós descobrimos que estamos eternamente acompanhados por Deus/Deus@. E se tod@ somos centelhas do Divino na Terra, então na verdade, estamos eternamente ligados uns aos outros, ainda que fisicamente separados e cada um no seu próprio mundo interior e processo de individuação.

Estava a refletir sobre estas coisas e a lidar com os meus próprios fantasmas internos quando me senti inspirada pela Deusa em mim a escrever este texto para Nós, a partilhar-me sem receios e sem medos. Hoje e agora escolhi Honrar a Mulher que Sou. Escolhi Validar-me. Escolhi Aceitar as minhas fraquezas e dificuldades. Escolhi Abraçar e Reconhecer também os meus dons, talentos e qualidades. Escolhi Amar-me ainda mais. Escolhi Honrar-me Verdadeiramente.

Espero que o faças também, Só por Hoje, por Ti, por Nós, por um Mundo cada vez Melhor, mais Consciente e Amoroso.

Nós Mulheres temos um corpo de dor coletivo que está neste momento a ser sarado, e este processo será mais rápido quantas mais de nós o tiverem a fazer de forma desperta e consciente. Fazer esta escolha não irá inibir que nos sintamos avassaladas pela dor, muitas vezes ela irá voltar, irá emergir, irá gritar dentro de nós, e nós iremos aprendendo a conversar com ela e a transmutá-la.
Depois de anos em processo, posso dizer claramente que a ferramenta mais poderosa para lidar com a dor é a Presença, a capacidade de nos mantermos em observação sustentada no momento presente, no aqui e no agora. Sem dúvida alguma, depois tudo o resto que possa ajudar a complementar isto é uma bênção e será exponenciado pela nossa capacidade de o fazer.

Desejo-te a ti, Linda Mulher, um Momento do Agora de Amor e de Despertar, um Momento de Autêntico Reconhecimento da Deusa que És

Recebe o meu Abraço Fraterno e Inteiro, pleno de Amor e Reconhecimento,

Só Por Hoje, Eu Honro a Deusa em Mim e Em Ti,

Texto dedicado a todas as Mulheres e Homens que vivem atualmente no Mundo, às crianças, aos adultos de amanhã, aqueles que estão em fase de despedida.
Um especial obrigado à minha Mãe que me trouxe a este mundo, e a todas as minhas ancestrais femininas que me transmitiram o poder do Amor Incondicional, especialmente a minha querida e eterna avó Lena que hoje completaria mais um aniversário solar se ainda estivesse no plano físico. Dedico ainda à minha filha Clara, honrando nela a Linda Mulher e Deusa que revejo nos seus puros olhos.

Gratidão parece hoje uma palavra pequena para descrever tudo aquilo que sinto neste exato momento,

Bênçãos de Luz para Toda a Humanidade,

Que o “futuro melhor” seja Hoje e Todos os Dias.

Deixo ainda esta música profundamente inspiradora, um dos Mantras que mais gosto de ouvir e cantar, e que diz para Honrarmos o Divino em Nós. Que Assim Seja. Om Namah Shivaya uma homenagem a tod@s nós! Oferece-te mais uns minutos para escutares este belo Mantra.

Cláudia

Desperta Para O Teu Coração

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s